31.8.10

Salário mínimo poderá ser de R$ 538,15 em 2011



O projeto de lei orçamentário para o próximo ano, encaminhado pelo governo ao Congresso nesta terça-feira (31), prevê o salário mínimo em R$ 538,15 e crescimento da economia de 4,5%.

A proposta foi entregue pelo ministro do Planejamento, Orçamento e Gestão, Paulo Bernardo, ao presidente do Senado, José Sarney, e valerá para o primeiro ano do novo governo.

Com relação ao salário mínimo, Bernardo reconheceu que o valor já está defasado em relação às projeções do Ministério da Fazenda.

A meta de superavit primário (economia para pagar os juros da dívida pública) para 2011 foi fixada em termos nominais, e não como percentual do PIB (Produto Interno Bruto).

O superavit primário previsto é de R$ 125,5 bilhões. Neste ano, a meta é 3,3% do PIB, ou seja, o resultado pode variar de acordo com a taxa de crescimento da economia brasileira.

"Se o PIB crescer mais, a meta vai ficar um pouco menor. Mas se crescer menos, fica maior", afirmou Bernardo a jornalistas. "É uma regra neutra e é mais previsível

fonte: uol

30.8.10

Chuva de Cocô

Mistério de chuva de fezes intriga cidade na França

Daniela Fernandes
De Paris para a BBC Brasil
Saint-Pandelon fica na região francesa de Aquitânia

Uma misteriosa "chuva" de excrementos intriga os habitantes do vilarejo de Saint-Pandelon, no sudoeste da França. Desde meados de maio, eles se queixam de "gotas" marrons que caem do céu, com cheiro e textura de matéria fecal.
O prefeito do vilarejo, Jean-Pierre Boiselle, afirmou que uma "chuva de cocô" passou a cair durante o dia e também à noite no município.

Se no início a história fazia os 750 habitantes da localidade sorrirem, eles passaram a ficar aterrorizados com a chuva de excrementos, que deixou partes da cidade com ar irrespirável.

As crianças não podem mais brincar fora de casa e os moradores hesitam em comer as frutas e legumes das hortas locais. Eles também não fazem mais churrascos ao ar livre nesse período de verão na Europa.
Teorias
As "gotas" marrons, quase do tamanho de uma unha do dedo mínimo, sujam os carros, móveis de jardim e as roupas secando nos varais.

A primeira hipótese levantada pelos moradores para explicar o fenômeno foi a de que aviões estariam despejando o conteúdo de seus banheiros sobre a região.
Mas isso seria impossível, afirmou a Direção Geral da Aviação Civil da França, acrescentando que "os aviões de linha são pressurizados e não é possível despejar o conteúdo de banheiros ou de nenhuma outra coisa".

Após investigações, a polícia militar francesa declarou que a "chuva" de fezes poderia ser causada por aves migratórias, da espécie conhecida como andorinhões, que se instalaram na região nesta estação.

"Esse pássaro tem a particularidade de voar o tempo todo e se alimentar em pleno voo. Por isso as fezes caem durante o dia e à noite", afirmou o capitão Michel Brethes, da polícia militar de Dax, nos arredores do vilarejo de Saint-Pandelon.
Exames
Um laboratório da região realizou neste mês pesquisas científicas com o material coletado e confirmou que as "gotas" que cairam do céu são excrementos de origem animal, mas não conseguiu solucionar totalmente o mistério.

"Nas amostras analisadas, não encontramos bactérias específicas das fezes humanas. Mas não podemos dizer a qual tipo de animal esses excrementos correspondem", afirmou Alain Mesplède, diretor do laboratório de análises científicas da região.

"Apenas confirmamos a presença de bactérias típicas a todas as espécies animais", diz o pesquisador.

Sem saber ao certo se as fezes seriam realmente de pássaros, os moradores de Saint-Pandelon esperam que a "chuva" fedorenta não caia novamente em outras estações.

22.8.10

Escolas usam pouco a internet

Para especialistas, professores ainda não exploram todo o potencial da rede

Adepto. Rafael estuda em uma escola atendida pelo Programa Educacional de Atenção ao Jovem e aprova o uso de blogs em oficinas temáticas
AAFOTO: ALEX DE JESUS
Adepto. Rafael estuda em uma escola atendida pelo Programa Educacional de Atenção ao Jovem e aprova o uso de blogs em oficinas temáticas

De forma tímida, algumas instituições de ensino públicas e particulares de todo o país já utilizam novas ferramentas e tecnologias em salas de aula. Porém, sem muito incentivo dos governos - preocupados, primeiramente, em equipar escolas com computadores -, sobra para os professores a missão de orientar os alunos acerca dos recursos oferecidos por blogs, sites de relacionamentos e programas de bate-papo, entre outros.

O problema é que os profissionais de educação ainda estão crus diante das novas mídias. Não há, no Brasil, um levantamento que meça o conhecimento dos professores sobre a questão, mas um estudo realizado nos Estados Unidos pela Faculty Survey of Student Engagement, no ano passado, mostrou, por exemplo, que 84% dos professores nunca usaram um blog em sala de aula.

Para especialistas, a fase de resistência dos professores já passou. Resta agora encontrar a melhor maneira de usar os recursos a favor da educação. "A maioria (dos professores) sabe que pode usar a internet, mas não tem a menor ideia de como usá-la. Sabe que existe Orkut, MSN, sites de busca, mas se perguntam: ‘o que eu faço com isso?", afirma a professora da Faculdade de Letras da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), Carla Viana Coscarelli.

Iniciativas. A Secretaria de Estado da Educação incentiva o uso de blogs por meio do Programa Educacional de Atenção ao Jovem (Peas Juventude). Iniciado em 2008, o projeto já integra 507 escolas de ensino médio e fundamental. Divididos em grupos temáticos, os alunos debatem determinados assuntos em sala de aula e postam suas avaliações na internet.

Na última sexta-feira, os estudantes da Escola Estadual Pedro de Alcântara Nogueira, em Ribeirão das Neves, na região metropolitana da capital, participaram de uma oficina e discutiram sobre o mundo do trabalho e perspectivas de vida. "Os alunos interagem e a gente posta no blog. O legal é que outras escolas veem o que estamos fazendo", conta o estudante Rafael Anastácio Alves, 16. Entre as ferramenta, o blog é a que tem mais adeptos entre os alunos.

Na Escola Estadual Desembargador Rodrigues Campos, no bairro Barreiro de Baixo, na região do Barreiro, em Belo Horizonte, o professor de português Paulo Andrade e seus alunos estão transpondo para as novas mídias os contos antes redigidos no papel. "Eu inicio as histórias, eles completam e me mandam", explica.

Em Uberaba, no Triângulo Mineiro, o Orkut virou um aliado dos alunos. Na Escola Estadual Aurélio Luiz da Costa, o site de relacionamentos - apontado como um dos vilões da internet, devido a diversas denúncias de pedofilia - tornou-se um útil espaço de compartilhamento de fotos, vídeos, exercícios, eventos e informações. "É um site que a gente acessa toda hora. Eu gosto porque a gente conversa e tira as dúvidas para as prova", destaca a estudante Alessandra Moura, 16.

Dificuldades. Por diversos motivos, o uso de novas tecnologias em salas de aula ainda sofre resistência. "O governo cria um monte de projetos. Mas não dá tempo de realizá-los, porque a gente é cobrado para dar conteúdo. Em outros casos, a escola não tem base para isso", critica o professor de história Bruno Dutra. A Escola Estadual Professora Maria Belmira Trindade, onde ele trabalha, no bairro Bom Sucesso, região do Barreiro, não tem sala de informática.

Porém, em Divinópolis, na região Centro-Oeste do Estado, estudantes da Escola Estadual Henrique Galvão mantêm um blog mesmo sem um laboratório de computação. "É um projeto feito com muito sacrifício", ressalta a professora de português Wilba Fernandes.

fonte: O Tempo

21.8.10

Ipê amarelo

Este é o ipê amarelo, que a exemplo do ipê roxo,  ilustra a paisagem seca do mês de agosto nestas áreas de cerrado, dando um colorido todo especial, num prenúncio de que a próxima estação, a das flores, a primavera está bem próxima e de que a natureza despertará para multiplicação das espécies através de uma teia viva.
Pena que tudo isso pode estar com seus dias contados, pois, políticos mineiros em plena florada do ipê roxo aprovou Lei que autoriza o desmatamento de até 70% da mata seca para aumentar as áreas da agropecuária e também para o carvoejamento que desde a década de 1970 abastecem as siderúrgicas do estado de Minas.

18.8.10

Adolescentes são aconselhados a baixar o volume de seus iPods

Os adolescentes usuários de iPod receberam recomendação para reduzirem o volume em seus tocadores de música, após um estudo realizado nos Estados Unidos constatar que os problemas auditivos entre os jovens haviam aumentado em quase 30 por cento nos últimos 15 anos.

O estudo publicado pelo Journal of the American Medical Association compara pesquisas nacionais do começo dos anos 90 e meados dos anos 2000. Cada uma delas incluía apenas alguns milhares de adolescentes com idade de 12 a 19 anos, mas sua composição foi determinada para representar todo o país.

Na primeira pesquisa, profissionais treinados constataram que cerca de 15 por cento dos adolescentes tinham certo grau de perda auditiva. Passados 15 anos, essa proporção havia crescido em um terço, para aproximadamente 20 por cento.

"Isso significa que em cada sala de aula existem alguns estudantes com problemas auditivos", disse o Dr. Josef Shargorodsky, pesquisador no Brigham and Women's Hospital, em Boston, à Reuters Health.

"Os adolescentes realmente subestimam o barulho a qual estão expostos. Muitas vezes o indivíduo não percebe, mas até mesmo uma ligeira perda de audição pode conduzir a diferenças em desenvolvimento de linguagem e aprendizado", explicou.

O estudo (link.reuters.com/nyz95m) constatou que a maior parte da perda de audição era registrada em apenas um ouvido, mas que as dimensões da perda estavam se agravando.

Embora a perda seja em geral modesta, cinco por cento dos adolescentes tinham problemas mais pronunciados - uma alta de 50 por cento ante a pesquisa anterior.

Shargorodsky se declarou surpreso pelas novas constatações.

Ele disse que o melhor tratamento médico para infecções de ouvido -uma das causas comuns de perda de audição- deveria em tese ter conduzido a uma redução no número de casos.

Os pesquisadores não apontaram os iPods ou outros tocadores de música como causa do problema crescente.

Disseram que os motivos da alta eram incertos, já que os adolescentes declararam não haver mudanças quando questionados sobre exposição a ruídos (no trabalho ou lazer, por exemplo).

Alison Grimes, diretora da clínica audiológica do Ronald Reagan-UCLA Medical Center, em Los Angeles, disse que embora não esteja claro que a culpa é dos eletrônicos musicais, reduzir o volume e não ouvi-los continuamente seria ainda assim uma boa ideia
(Reportagem de Frederik Joelving)
fonte: Reuters Brasil

16.8.10

Adolescente é brutalmente assassinado em Montes Claros

Polícia investiga motivos fúteis e até de conotação sexual para o crime
A Polícia Civil de Montes Claros, no Norte de Minas Gerais, investiga o bárbaro assassinato de um adolescente de 14 anos. Partes do corpo foram localizadas nesse domingo (15) na zona rural da cidade. Dois adolescentes de 15 e 16 anos e um jovem, 19, foram detidos.

A vítima, segundo a Polícia, estava desaparecida há sete dias, desde o domingo de 8 de agosto. Neste fim de semana, a mãe de um dos envolvidos ligou para a delegacia e entregou o filho, de 15 anos. Em depoimento, ele confessou participação e entregou os comparsas.

Uma futilidade, relacionada a vingança, teria motivado o assassinato. A Polícia Civil, no entanto, investiga também se o homicídio teve algum tipo de conotação sexual.

Segundo o delegado Jurandir Rodrigues César Filho, da 2ª Delegacia Distrital de Montes Claros, a briga começou quando o adolescente de 16 anos denunciou a vítima por crime ambiental. “O garoto que morreu criava pombos e foi denunciado pelo colega. Depois disso, ele prometeu vingança”, explicou o delegado. Antes que o antigo amigo pudesse machucá-lo, o rapaz chamou dois outros jovens e juntos eles tramaram um plano.

“Os quatro amigos combinaram de caçar passarinhos na zona rural de Montes Claros no fim de semana. Durante o passeio, dois deles seguraram a vítima enquanto o outro (o adolescente de 16 anos) apedrejou e deferiu pauladas no garoto até a morte”, contou o delegado. O corpo foi coberto por folhas e, ao ser encontrado pela Polícia ontem, já tinha sido quase totalmente devorado por animais.

Segundo a Polícia, a princípio, como dois dos envolvidos - o adolescente de 16 anos e o mais velho, 19 - são homossexuais e vivem juntos há três anos, acreditou-se na cidade que o crime seria passional. Todos os três detidos, porém, confessaram participação no assassinato e apresentaram a mesma versão. “Seguimos investigando se houve alguma conotação sexual. Mas até agora, pelo o que ouvimos, tudo começou com uma vingança, uma briga entre adolescentes”, concluiu o o delegado Jurandir Filho.

Os dois adolescentes foram apresentados ao Ministério Público e podem responder por crime análogo a homicídio. O jovem de 19 é ouvido nesta tarde e, além de responder por homicídio, pode ser processado por prática de crime contra a liberdade sexual, já que mantém uma relacionamento amoroso com um menor. Todos eles já tinham passagens anteriores pela Polícia por brigas.
fonte: O Tempo

Relaxou de vez...

O que esses personagens não fazem para se manterem no poder?

Ritimo de crescimento da população diminui, mostrará Censo

População está ficando mais velha
(Reuters) - Com duas semanas de coleta de dados para o Censo em todo país e quase 10 milhões de domicílios visitados, o IBGE vem registrando uma diminuição no ritmo de crescimento da população brasileira e no número de moradores nas residências do país, informou nesta segunda-feira o presidente do órgão, Eduardo Nunes.
Segundo o presidente do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), a avaliação feita até agora em 9,6 milhões de domicílios de um total de 59 milhões que serão recenseados em todo país até 31 de outubro, é que o padrão familiar brasileiro está mudando.
"Já deu para perceber isso e não vou precisar chegar a 31 de outubro para dizer que o número médio de moradores por domicílio já está diminuindo. Na Pnad (Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílio) visita-se 150 mil casas e em duas semanas já fizemos 60 Pnads", disse o presidente do IBGE, Eduardo Nunes.
"Está dando em torno de 3,2 moradores por domicílio. Em 2000, data do último Censo estava perto de 4", acrescentou.
Nunes afirmou que a constatação feita pelo Censo vai exigir dos governantes a adoção de novas políticas sociais no Brasil nos próximos anos. "Temos um envelhecimento, um crescimento quase vegetativo da população e, principalmente, uma mudança nos arranjos familiares", afirmou.
Segundo Nunes, há muitos domicílios com pessoas morando sozinhas, que não são obrigatoriamente idosas. "E há em muitos domicílios apenas uma pessoas como chefe de família, sendo que em muitos casos a mulher é a referência da casa. As famílias estão mudando", disse Nunes, lembrando que o envelhecimento tem impactos nas políticas educacional, de saúde e previdenciária.
Em novembro, as informações do Censo serão encaminhadas ao Tribunal de Contas da União (TCU) para que seja feito o cálculo para o repasse de recursos federais para as 5.565 cidades brasileiras que recebem dinheiro de fundos especiais e de ministérios.
O ritmo do levantamento de dados para o Censo do IBGE, segundo Nunes, está acima das expectativas, após 2 semanas de trabalho. A cobertura de domicílios está na média nacional em 16,5 por cento, superando a meta de 9,1 por cento fixada para o período.
Roraima é o Estado mais adiantado, com 28,2 por cento, e o Rio Grande do Sul, o mais atrasado com apenas 8,2 por cento, de acordo com o IBGE. Continuação...
fonte: Reuters Brasil

Mulher descasca ovo cozido e encontra outro dentro


Veterinário suspeita que a mutação do alimento é fruto de um desastre radioativo ocorrido em 1986
Reprodução/ Croatian Times
Ovo mutante assustou romena
Não era um ovo surpresa. Era um ovo comum com casca, clara e gema. Porém, a romena Maria Baldescu levou um susto ao descascar seu café da manhã.
De acordo com reportagem do jornal Croatian Times, a mulher de 68 anos ia comer o ovo cozido, mas encontrou outro ovo dentro. Abismada com o que se passou, ficou com medo de engolir o alimento.
Ao invés de terminar sua refeição, procurou um veterinário para solucionar o caso. A explicação do especialista é que o ovo dentro do ovo podia ser resultado da radiação do acidente ocorrido em Chernobyl em 1986.
fonte: G1


.

14.8.10

UFRJ amplia cotas para ingresso de estudantes pobres

Vladimir Platonow
Repórter da Agência Brasil

Rio de Janeiro - A Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) decidiu ampliar o percentual de vagas destinadas ao ingresso de alunos pobres. A medida foi decidida pelo Conselho Universitário (Consuni), em reunião ocorrida ontem (12), e vale para o próximo ano, de acordo com informações divulgadas pela assessoria da UFRJ, na página da universidade na internet (http://www.ufrj.br/).
Como não houve consenso entre os integrantes do Consuni sobre o percentual de vagas e a política de assistência aos estudantes de baixa renda, o detalhamento da medida será definido em reunião extraordinária do conselho, na próxima quinta-feira (19).
De acordo com a universidade, o último concurso de acesso teve 72 mil inscritos, sendo que 54% eram procedentes de escolas particulares, embora os estudantes que terminam o ensino médio em escolas públicas no estado do Rio representem 80% do total. Outro fato destacado foi a concentração de 52% dos candidatos em apenas sete, das 116 opções de cursos de graduação.
O reitor da UFRJ, Aloísio Teixeira, afirmou que a proposta de ampliação de vagas para alunos pobres terá caráter experimental. Ele ressaltou que embora o percentual de estudantes com esse perfil seja superior a 10% na universidade, isso não ocorre em cursos como medicina e direito, e que a adoção de ações afirmativas nesses casos
fonte: Agência Brasil

11.8.10

5.8.10

Mata seca poderá ser desmatada em até 70%

panã
Mata Seca “Sem Proteção” do Estado
Deputados mineiros promulgaram lei que retira a chamada mata seca, na nossa sofrida região norte do Estado, da área de preservação ambiental da Mata Atlântica. A Lei 19.096/2010, publicada ontem no Diário Oficial do Estado, permite que a área remanescente de mata seca, protegida por lei federal, seja desmatada para atividades agrícolas e produção de carvão.
Em junho, o projeto de lei aprovado pelo Legislativo mineiro recebeu duras críticas de ambientalistas, que o consideraram inconstitucional, pois permite o desmatamento de até 70% da área coberta pela vegetação, como prevê a legislação estadual, mais permissiva que a federal. Essa floresta, denominada mata seca foi incluída na área de preservação da Mata Atlântica pelo decreto federal 6.660, de novembro de 2008. Conforme o Instituto Estadual de Florestas (IEF), a área remanescente corresponde a 16,1 mil km2, ou 48% da área original.
Numa pesquisa da Fundação SOS Mata Atlântica divulgada em maio, Minas Gerais figura como o estado campeão em desmatamento, entre 2008 e maio de 2010, com 12,5 mil hectares suprimidos de um total de 20,8 mil hectares. E, se a inconstitucionalidade não for provada, com certeza estaremos vivenciando mais um abuso com a já castigada região que desde o início da década de 1970 vem dizimando sua flora nativa para abastecer de carvão as siderúrgicas de outras regiões do estado.

Professores Devem Seguir Orientação do Sind-UTE

Apoiados pelo Sind-UTE - Regional Montes Claros
Após uma greve que envolveu a maioria dos professores do Estado de Minas Gerais, que reivindicavam a implantação do Piso salarial Nacional, a categoria, ainda que não tenha conquistado aquilo que era o objeto do movimento, sente vencedora, por ter resgato uma credibilidade que andava um tanto quanto desgastada.
E é com esta convicção que O Sind-Ute (regional de Montes Claros) resolve participar da campanha eleitoral 2010 orientando seus filiados a votarem e abraçarem as campanhas de Dilma Roussef para Presidente, Hélio Costa para o Governo de Minas, além do Professor de História, Paraca, ex-Prefeito do Município de Paracatu para Deputado Estadual, além do nosso grande defensor na Assembléia Legislativa, o atual Deputado Welington Prado, que postula uma vaga como Deputado Federal.
José Gomes Filho ex- coordenador do Sindicato e atual membro da direção, tem visitado as escolas e conversado com os colegas, lembrando-os da necessidade de que cada um dedique ao máximo, não medindo esforços para que tenhamos êxito, pois, desde quando o PSDB assumiu o governo mineiro ainda nos anos 90, a classe dos educadores tem acumulado perdas e mais perdas, inclusive, sem perspectivas de recuperação, caso haja continuidade desse Desgoverno que aí está. Em visita à Escola Salvador Filpi no último de 03, Gomes salientou a importância dos candidatos a Deputado Estadual e federal obterem o maior número de votos possível para que os tornem representantes com maior poder e influência, lembrando ainda que quanto ao candidato Hélio Costa, há um compromisso de implantação do Piso Salarial Nacional.