15.1.11

Os estragos das chuvas em Minas

Montes Claros também entrou pra lista dos municípios mineiros em estado de emergência por causa das chuvas dos útimos dias. Neste último dia 14 o Prefeito Luis Tadeu Leite decretou estado de emergência no município, uma vez que a cidade tem sido castigada pelas constantes chuvas que assolam boa parte do País neste mês de janeiro. Segundo ele, vários são os bairros que apresentam problemas, bem como as ruas cujo pavimento asfáltico apresenta buracos por todos os lados, inclusive com algumas vias onde o processo conhecido como "tapa buracos" não resolve mais, tendo de ser todo o pavimento reconstruído.

A seguir, vejam matérias publicadas na TV Alterosa de Belo Horizonte sobre as chuvas em todo o Estado de Minas Gerais.

Uma chuva forte assustou os moradores de Boa Esperança. Alagoa, no Sul do estado, onde moram cerca de três mil habitantes, está ilhada. As duas estradas de acesso foram interrompidas.

Os números da Defesa Civil revelam que Minas tem quase 17 mil pessoas retiradas de casa por causa das enchentes. Mais de 2.300 perderam o lar e 72 ficaram feridas. Dezesseis pessoas morreram. Os afetados pela chuva passam de 1 milhão e 200 mil.

Dos 74 municípios em estado de emergência, somente 11 tiveram os decretos homologados pela Defesa Civil. A cidade de Inhapim foi desvatada por um temporal, mas levou tempo para conseguir provar os danos.





Ruas alagadas. Prefeitura ilhada. Baependi e São Lourenço, duas cidade no sul do estado, estão em estado de emergência.





Os bombeiros anunciaram a criação do Batalhão de Eventos Emergenciais. Trezentos e cinquenta homens, dezesseis oficiais e uma grande estrutura técnica, inclusive com aeronaves, ficarão de prontidão para deslocar rapidamente em caso de necessidade.

Pelo menos vinte municípios já foram atingidos pelas enchentes no Sul de Minas. Sete decretaram situação de emergência.



Nenhum comentário: