24.2.11

Acusado de assaninar secretária em Montes Claros é preso em São Paulo e apresentado em Montes Claros

A Polícia Civil apresentou nesta quinta-feira o homem suspeito de ter assassinado a secretária e estudante de psicologia, Janinha Pereira de Freitas, 37, estrangulada até a morte no dia 14 de fevereiro em Montes Claros. Ele foi trazido de São Paulo para Belo Horizonte nesta quinta-feira e transferido em seguida para Montes Claros, onde vai responder pelo crime.
Danilo Éderson Fernandez, 28, foi encontrado em uma lan house, no centro de São Paulo (SP), nessa quarta-feira, onde teria marcado um encontro com outra vítima em potencial.

Em depoimento nesta quinta-feira ele confessou o crime, mas disse que pretendia apenas roubar a secretária, mas acabou "perdendo a cabeça" durante uma briga após uma relação sexual, a matando com um fio telefônico.

Apesar da versão, o delegado José Messias Tales Alves acredita que o suspeito pode ter estuprado a vítima. "Há indícios de que o sexo foi mediante violência".

Durante a tarde dessa quarta, policiais realizaram buscas na tentativa de localizar os objetos que teriam sido roubados da casa da vítima - um notebook, uma câmera fotográfica, um celular e mais de R$ 1.000, mas nada foi encontrado.
Vejam os vídeos que registram a apresentação do assassino confesso.

2ª parte da entrevista

Nenhum comentário: