24.10.11

Governo de Minas põe fim ao contracheque impresso


O contra cheque em papel está com os dias contados no Governo de Minas. Neste mês de outubro, o servidor receberá, pela última vez, seu comprovante impresso. A partir de novembro, ele poderá ser acessado pelo Portal do Servidor, por meio dos caixas eletrônicos do Banco do Brasil e também pelo portal do banco na internet.


A medida foi adotada por três motivos: A sustentabilidade, segurança e economia para os cofres públicos. A sustentabilidade é a base da iniciativa. Com o fim da emissão de cerca de 500 mil contracheque, todo mês, o governo deixará de gastar 250 mil folhas de papel A4, o que equivale a 500 pacotes deste padrão, com 2,33kg cada.
De acordo com a Fundação Estadual do Meio Ambiente (Feam), 40 kg de papel produzido equivalem a uma árvore cortada. Só com o fim da impressão dos contracheques, 365 árvores serão poupadas a cada ano, ou seja, uma árvore por dia.


A questão da segurança é outro ponto importante. O contracheque impresso já chega com atraso ao servidor, devido ao complexo sistema de distribuição. Caso o documento não seja entregue em mãos, por problemas de entrega ou postagem, a confidencialidade das informações corre o risco de ser violada.


E o Piso Salarial, como fica?

Nenhum comentário: