21.11.13

Educação abre inscrições para cadastro de candidato à designação

Interessados tem até 4 de dezembro, e para alguns funções, o registro deve ser feito nas próprias unidades

Os profissionais que desejam integrar o cadastro de candidatos à designação da Secretaria de Educação (SEE) devem ficar atentos. Quem se interessar em concorrer a uma vaga para o ano que vem deve acessar o site www.designaeducacao. mg.gov.br e informar dados como nome completo, CPF, escolaridade, número de telefone, e criar um login de acesso. A partir daí, terá acesso ao sistema para informar em que município e para quais cargos ele deseja integrar o cadastro.
A SEE ainda disponibiliza três telefones para tirar dúvidas: (31)3915-3327, (31)3915-3346 e (31)3915- 3349. Os critérios e procedimentos para inscrição também constam da Resolução n2 2.441, de 22 de outubro de 2013.
‘‘ O candidato inscrito no cadastro terá prioridade sobre aquele que não houver feito a inscrição”
A designação é a forma de preenchimento de cargo a título precário para assegurar o funcionamento das escolas estaduais conforme prevê o artigo 10 da Lei 10254/1990. Quando uma professora efetiva tira uma licença maternidade em uma escola estadual, por exemplo, ela é substituída por um professor designado durante o período da licença. A inscrição no cadastro é essencial, pois garante prioridade. “Quando uma vaga estiver aberta em uma escola, o candidato que estiver inscrito no cadastro terá prioridade sobre aquele que não houver feito a inscrição”, explica o subsecretário de Gestão de Recursos Humanos, Antonio Luiz Musa de Noronha.
PRIORIDADE – O subsecretário lembra que o concursado da SEE que ainda não foi nomeado terá prioridade se quiser concorrer a uma vaga. Em seguida, a prioridade é do candidato inscrito no cadastro. Podem se inscrever, além dos candidatos à função pública de professor de Educação Básica, analista educacional — inspetor escolar, analista (ASB), assistente técnico, auxiliar de serviços e especialista em Educação Básica.
No ato da inscrição, é importante que as informações sejam fornecidas de forma correta, pois os candidatos deverão comprová-las no momento da designação. Exceto pelos candidatos à função de ASBs, que podem fazer a inscrição para apenas um município, cada candidato pode se inscrever, para a mesma função, em três municípios ou para três funções no mesmo município. O subsecretário de Gestão de Recursos Humanos destaca ainda que todos os interessa-dos devem fazer o cadastro. “O último cadastro foi feito em 2010 e estava desatualizado. Mesmo os profissionais que já estavam inseridos nesse banco de dados devem fazer a inscrição este ano, pois o objetivo é criar um novo cadastro”, explica. Os profissionais aprovados no concurso já têm prioridade na designação de 2014, mas também poderão fazer o cadastro. Essa inscrição será importante caso o profissional tenha interesse em concorrer a uma nova vaga.
Uma vez feita a inscrição, os candidatos serão classificados de acordo com os critérios estabelecidos na Resolução n2 2.441. Os de desempate variam de acor-do com cada função, mas priorizam a escolaridade e o tempo de serviço como designado em escola da rede estadual. Em 2014, ao selecionar os candidatos à designação, as escolas estaduais vão recorrer aos dados do cadastro.
NORMAS - As normas de designação para o exercício de função pública nas escolas estaduais e para a função de Analista Educacional/Inspetor Escolar nas Superintendências Regionais de Ensino estão definidas na Resolução SEE N2 2.442, publicada no dia 8 de novembro de 2013. Para algumas funções, as inscrições deverão ser feitas nas próprias unidades de atuação, sem-pre no horário das 9 às 17 horas. É o caso dos candidatos interessados em atuar nos Centros de Apoio Pedagógico a Pessoas com Deficiência Visual (CAP), Centro de Capacitação de Profissionais de Educação e Atendimento às Pessoas com Surdez (CAS) e nos núcleos de capacitação na área de Educação Especial; professores que vão atuar em conservatórios estaduais de Música e centros de Educação Profissional; professores para atuação em conteúdos técnicos profissionalizantes, em escolas com autorização para oferta da educação profissional; e servidores para atuação em projetos autorizados pela SEE, nos conteúdos em que não haverá inscrição pela internet.
Fonte: Minas Gerais

13.10.13

Essa Marina é fo...

Lembram do Galvão Bueno? Acabou! Acabou! Acabou! Acabou! kkkkkkkkkkkkkk

8.10.13

ALUNOS TENTAM MATAR VICE-DIRETORA DE ESCOLA ESTADUAL DE MINAS

Crime de alunos que planejaram envenenar vice-diretora é "impunível", diz delegadaQuatro alunos um menino de 12 anos e três meninas de 12, 13 e 16  planejaram matar a educadora com veneno para rato

Publicação: 08/10/2013 07:12 Atualização:

Para se vingar da vice-diretora por não permitir o uso de bermudas e camisetas em salas de aulas, quatro alunos – um menino de 12 anos e três meninas de 12, 13 e 16 – planejaram matá-la com veneno para rato. O plano só não deu certo porque outro estudante da Escola Deputado Hilo Andrade, em Periquito, no Vale do Rio Doce, denunciou os colegas à dirigente.

Segundo a Polícia Militar, os adolescentes assumiram que pretendiam colocar chumbinho em um bolo que seria oferecido à vítima, que tem 50 anos, durante uma festa na sexta-feira. Os menores disseram que, se o plano desse errado, colocariam veneno na merenda escolar, o que poderia fazer várias vítimas.

O menino confessou ter conseguido o veneno em sua casa e o entregou a uma das meninas, que pediu a uma colega para guardar. A adolescente de 16 anos disse que havia jogado o veneno fora, mas sua mãe autorizou a PM a fazer buscas na casa e o chumbinho foi encontrado na mochila dela. Outra embalagem com o veneno foi achada em um buraco. A mãe da aluna disse que não sabia de nada. Os alunos negaram ter colocado veneno em alimentos. Mesmo assim, a direção da escola recolheu pães para cachorro-quente e garrafas de refrigerante.

Impunível
A delegada de Periquito, Luciana Libório, informou não ter instaurado inquérito por não haver crime. “Trata-se de ato preparatório impunível, pois os alunos não chegaram a colocar chumbinho no alimento para ser oferecido à vice-diretora. Não passou de um planejamento e não posso considerar homicídio tentado”, disse. Segundo ela, confrontos envolvendo alunos e professores têm se tornado comuns na região, sempre por motivos fúteis. “Normalmente, ocorrem quando o professor faz algum tipo de repreensão. A gente percebe que há muita rebeldia dos alunos”, comentou Luciana.
Durante toda a manhã e tarde de ontem, a direção da escola, equipes de inspetores da Superintendência Regional de Ensino (SRE) de Governador Valadares, representantes do Conselho Tutelar, pais e os alunos envolvidos estiveram reunidos para esclarecer a denúncia. “Por orientação do Conselho Tutelar, os estudantes vão receber acompanhamento especial da escola, dos pais, de conselheiros e do colegiado em reuniões e palestras, levando em conta o perfil de cada um e a realidade da escola”, disse a diretora da SRE, Sandra Márcia Ferreira.

PREVENÇÃO
 Os adolescentes vão continuar frequentando a escola e a vice-diretora trabalhando normalmente, explicou segundo Sandra. “Vamos fazer um trabalho de prevenção e orientação por meio de projetos de valorização da vida e pela não banalização da violência”, acrescentou a diretora de ensino, que disse desconhecer a causa dos fatos. “Não temos nenhuma reclamação contra a vice-diretora”, informou.

Os quatro alunos também não ofereciam nenhum problema até então, segundo ela, e os pais ficaram assustados com a notícia. “Eles não esperavam isso dos filhos e se comprometeram a nos ajudar trabalhando com eles”, disse Sandra. Ela esclareceu que em Periquito o uniforme escolar é exigido dos alunos para a própria proteção deles, uma vez que o município, de 7.287 habitantes, é cortado pela BR-381, conhecida como a Rodovia da Morte.
Extraído do EM online

28.8.13

Estação de Tratamento de Esgotos de Montes Claros


O que seria uma solução para um problema, cria outros problemões  

Desde que foi inaugurada a ETE - Estação de Tratamentos de Esgotos de Montes Claros que a população dos bairros vizinhos vem sofrendo com o mau cheiro ali produzido.
A estação foi construída numa área urbana residencial e industrial o que por se só já é fato para comprovar o erro cometido pelas autoridades responsáveis.
O mau cheiro tem causado sérios transtornos para os moradores que reclamam, inclusive denunciando que o fato se torna mais grave nos momentos em que as temperaturas estão mais baixas, chegando ao ponto de acordarem as pessoas durante as madrugadas.
Todos esperam uma atenção maior da Copasa, empresa responsável pelo tratamento de todo o esgoto da cidade e também da Prefeitura Municipal.
Não esquecendo de lembrar, que todos os nossos córregos e rios continuam poluídos, recebendo grandes cargas de esgotos de toda espécie. O que quer dizer dizer que a finalidade da ETE não está sendo satisfatória, pelo contrário, criou-se mais um sério problema.

CÃES SOLTOS


A cidade de Montes Claros- MG. está tomada de cães.


Há tempos não se vê a captura de de animais pelo serviço de zoonose, que tempos atrás funcionou de maneira satisfatória.
A população pede providência junto às autoridades, pois a mesma se vê ameaçada de contraírem doenças transmitidas pelos referidos bichinhos que não contam com nenhuma espécie de controle sanitário.
No bairro Floresta há um campinho de terra onde se conta quinze, vinte ou mais cães soltos se procriando e causando medo às pessoas que têm de passar próximo a esse local.

6.2.13

Sind-UTE/MG denuncia Governo de Minas ao Ministério Público


O Sindicato Único dos Trabalhadores em Educação de Minas Gerais (Sind-UTE/MG),
 protocola hoje (06/02), logo mais, por volta das 16h, na Promotoria Estadual 
de Defesa da Educação do Ministério Público, à Av. Haja Gabaglia, 615, 1º andar, denúncia contra a Secretaria de Estado de Educação (SEE) por não ter efetivado contratações de professores no tempo correto, ou seja, antes do início do ano letivo.
De acordo com a direção do Sindicato, passados dias do início do ano letivo, a SEE está tentando realizar a contratação dos trabalhadores atropelando processos como tornar público o horário e as vagas para designação.
Falta educadores
Uma preocupação do Sind-UTE/MG neste momento, em que se inicia o ano letivo, diz respeito à falta de professores nas escolas estaduais. As 15 mil vagas divulgadas pelo concurso público ainda não foram preenchidas e os 70 mil designados também não foram autorizados a trabalhar pela SEE. As aulas de Educação Física - antes ministradas por professores habilitados -, hoje os professores regentes da antiga 1ª a 4ª são obrigados a lecionar mesmo sem habilitação. Além disso, as salas estão superlotadas porque há fusão de turmas em função da falta de professores. Esses são alguns problemas denunciados pelo Sindicato e, de acordo com a sua direção, comprometem a normalidade neste início do ano escolar e terão reflexos que se arrastarão pelo ano inteiro.
A coordenadora-geral do Sind-UTE/MG, Beatriz Cerqueira afirma que vários alertas foram feitos ao Governo para discutir sobre os problemas que marcaram o início do ano letivo na rede estadual de ensino, com a falta de professores. “Desde novembro buscamos diálogo e o Executivo permanece inerte. A Secretaria não atendeu o nosso pedido e o Governo se nega a falar com os trabalhadores em educação”, ressalta.
Campanha Salarial Educacional 2013
A denúncia junto ao MP acontece no mesmo dia em que o Sind-UTE/MG lança uma campanha junto às escolas, com o objetivo de informar a comunidade escolar sobre esse verdadeiro caos no início do ano letivo.
As ações aconteceram nas 80 Subsedes do Sindicato. Em Belo Horizonte, pela manhã,os trabalhadores em educação distribuirão uma cartilha contendo jogos de conhecimento/entretenimento (palavras cruzadas), que tratam da realidade da educação em Minas Gerais, em seis pontos específicos: E.E Maurício Murgel, à Av. Amazonas, 5.154, Nova Suíça; E.E Desembargador Rodrigues CamposAv. Sinfrônio Brochado, 355, Barreiro de Baixo; Instituto de Educação de Minas Gerais, à Rua Pernambuco, 47 – Funcionários; E. E. Presidente Dutra; à Avenida José Cândido Silveira, 2.000; E. E. Padre Eustáquio, Rua Cesário Alvim, 927 - Padre Eustáquio; e na E. E. Três Poderes, à Av. Portugal, 4.095, bairro Itapoã.
A campanha dos profissionais da educação este ano terá como eixos: Piso Salarial Profissional, Carreira, Educação de Qualidade, Nomeação imediata de todos os concursados e a defesa do Instituto de Previdência dos Servidores do Estado de Minas Gerais (IPSEMG).
A coordenadora-geral do Sind-UTE/MG ressalta a importância dessas ações. “Nossas denúncias têm que ecoar por toda a sociedade mineira, que precisa conhecer a realidade da educação. São vários os problemas e o governo se nega a dialogar com a categoria, trazendo prejuízo à comunidade escolar”, afirma Beatriz Cerqueira.
Extraído do portal www.sindutemg.org.br

1.2.13

Homem mata vigilante de posto de gasolina em Mirabela


A população de Mirabela no norte do estado de Minas Gerais está vivendo uma onda de violência que tem deixado sua população em pânico.
Idosos e  comerciantes têm sido vítimas de furtos e assaltos por pessoas encapuzadas que arrombam e agridem  essas pessoas.
Não bastasse a própria população ter de reconstruir o prédio da Delegacia de Polícia, tem agora de contar mais uma vez com a já sofrida população para abastecer as viaturas.
Dois dias após a televisão denunciar a falta de combustível para abastecer os veículos da polícia local, um violento assassinato deixa uma família enlutada.
Assista o vídeo para ter uma ideia da frieza do assassino que ainda furta o veículo da vítima e o abastece antes de sair em fuga.

2.1.13

Porteirinha: O verdadeiro representante da maioria vence eleições e vai à posse em uma carroça de burro

Ex-carroceiro e vendedor ambulante vai à cerimônia de posse numa carroça emprestada pelo seu pai, cumprindo uma promessa de campanha.
                       Foto: www.em.com.br
 (Flavio Silva Nunes divulgacao)
O novo Prefeito de Porteirinha -mg chega à Prefeitura numa carroça de
burro acompanhado por quase uma centena de outras carroças


O novo prefeito de Porteirinha, no Norte de Minas, o ex-vendedor ambulante Silvanei Batista (PSB), chegou à prefeitura em cima de uma carroça para tomar posse. Silvanei é filho do carroceiro Sebastião Batista dos Santos e derrotou na eleição o então prefeito, o empresário e pecuarista Juraci Freire Martins (PP), que declarou à Justiça Eleitoral um patrimônio de R$ 24,4 milhões – o terceiro maior entre os candidatos a prefeito do interior de Minas em 2012, incluindo cerca de 20 mil reses, 32 fazendas e 12 casas. Já a declaração de bens de Silvanei, de 34 anos, foi de apenas R$ 13,5 mil (uma moto Titan 2005 no valor de R$ 4,5 mil e uma Parati modelo 1992, avaliada em R$ 9 mil. 
Enquanto isso, em outros municípios, prefeitos eleitos tomam posse sob efeito de liminares, em alguns casos , acusados de compra, contas rejeitadas pelos tribunais de contas. 
Enquanto na cidade de Porteirinha a festa  envolveu a grande maioria dos eleitores, em cidades como São Francisco, Pirapora e Mirabela, parte das pessoas participaram das comemorações com um misto de alegria e desconfiança, pois sabem que um novo julgamento é quem decidirá o futuro político de seus municípios, podendo haver a qualquer momento a marcação de uma nova eleição, já que seus prefeitos tomaram posse sob força de Liminares.
Segundo se sabe, a Justiça concedeu Liminar favorecendo diplomação e posse aos eleitos de vinte municípios mineiros, alegando falta de tempo hábil para realização de todos os julgamentos antes do prazo e também em virtude do recesso de fim de ano. Lembrando, que todos eles foram condenados  em primeira instância.