1.3.14

Aécio Neves é vaiado ao chegar no Campo Grande


O prefeito de Salvador ACM Neto (DEM) passou por um momento de constrangedor na tarde desta sexta-feira (28) ao receber o atrasado pré-candidato à presidência da República, senador Aécio Neves, no camarote oficial da prefeitura municipal, localizado no Campo Grande.

Aos chegar acompanhado por diversos quadros políticos da oposição baiana aos projetos federal e estadual dos petistas, a multidão vaiou. Os urros foram silenciados após insistentes pedidos de Baby do Brasil e Paulinho Boca de Cantor. Aécio aproveitou a deixa e sem ressentimento virou as costas para os foliões e concedeu entrevista.

Contudo, o presidenciável preferiu tangenciar a opção proclamada pelos correligionários baianos que declaram apoio ao postulante do DEM ao governo estadual Paulo Souto. Geddel Vieira Lima, que deseja a indicação, estava acompanhava toda a movimentação.

Aécio Neves afirmou que o grande norte dos tucanos nacionais no Estado é manter a aliança que elegeu Neto prefeito. Ainda segundo o pré-candidato, os dois nomes que concorrem à indicação tem muita grandeza. Souto como governador mais respeitado do Brasil e Geddel como ex-ministro.

Durante a campanha presidencial o PSDB tentará, conforme o senador, apontar às pessoas o que elas mesmas dizem em pesquisas que se faz país afora. Ele afirma que o partido quer mudança, pois a gestão petista está cheia de desmandos e armadilhas, a exemplo de crescimento lento e baixo, aparelhamento da máquina pública e corrupção.

Do mesmo camarote e com a cúpula do PSDB, Neto disse que Aécio veio ao Carnaval como amigo e para fazer uma visita de cortesia à Bahia e fez questão de ressaltar que não tem sentido ficar falando de politica agora porque o foco durante a festa é trabalhar pela cidade.

Nenhum comentário: